top of page

Covid-19 mata mais que Dengue em Belo Horizonte

Belo Horizonte Enfrenta Epidemia de Dengue e Aumento de Mortes por Covid-19

Em meio à pior epidemia de dengue da história, Belo Horizonte enfrenta um novo desafio: o aumento expressivo das mortes por Covid-19. Dados do Boletim Epidemiológico da Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) revelam que, em 2024, mais pessoas perderam a vida devido ao coronavírus do que à dengue, a doença transmitida pela picada do mosquito Aedes aegypti.

Até 31 de maio, 76 óbitos foram atribuídos à Covid-19, um número alarmante que representa um aumento de 41% em relação aos 54 óbitos causados pela dengue no mesmo período. Estes números foram divulgados nas publicações mais recentes do Executivo municipal.

Especialistas enfatizam a importância da vacinação como principal medida de prevenção contra o coronavírus. A atualização da caderneta de imunização é fundamental para reduzir a mortalidade e controlar a disseminação do vírus.

Analisando os dados por faixa etária, observa-se que pessoas com 60 anos ou mais representam a maior parcela dos óbitos por Covid-19, totalizando 61 mortes. Na sequência, a faixa etária entre 40 e 59 anos registrou 13 óbitos. Também houve uma morte entre crianças com menos de um ano e uma entre indivíduos com idades entre 20 e 39 anos. Em termos de gênero, os homens foram mais afetados pela doença, com 41 mortes registradas.

A situação atual reforça a necessidade de medidas preventivas rigorosas e de campanhas de conscientização sobre a importância da vacinação contra a Covid-19. A sociedade enfrenta um duplo desafio sanitário, e a colaboração de todos é crucial para superar este período crítico.

VACINA XBB DISPONÍVEL EM MURIAÉ PARA GRUPOS PRIORITÁRIOS

Em resposta à necessidade urgente de vacinação, Muriaé continua a imunizar a população contra a Covid-19 e anunciou a disponibilidade da vacina XBB para grupos prioritários. Esta versão atualizada da vacina foi desenvolvida especificamente para oferecer maior proteção contra a variante XBB do vírus.

Este imunizante já está sendo utilizado em diversos países, incluindo os Estados Unidos e os países da União Europeia. A vacina XBB foi rigorosamente avaliada e aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em março de 2024, garantindo sua segurança e eficácia.

Local de Vacinação:
  • Central de Imunização: Localizada na Avenida Maestro Sansão, 236 – ao lado da entrada principal do Centro Administrativo.

  • Horário de Funcionamento: Segunda a sexta, das 8h às 17h.

Kommentare


Anúncio-Tablet_Jornal_GIF.gif
bottom of page